Avaliações Recomendadas

A sua confiança é a nossa maior preocupação, portanto, as empresas não podem pagar para alterar as avaliações. Saiba mais.
    • Usuário do Qype domovo…
    • São Paulo - SP
    • 0 amigos
    • 10 comentários
    5.0 classificação
    21/8/2009

    Na vila madalena existe
    lugar que ninguém resiste
    samba do coração Não vá com intenção pecaminosa
    vá para bater uma prosa gostosa
    curta o sambão chorinho, samba e bossa
    não há coisa melhor no mundo!
    tem bastante muié que posa
    mai também num vai ficar lá no fundo!

  • 4.0 classificação
    6/7/2013

    Em meio a samba, chorinho, batuques e outras bossas no Ó do Borogodó você pode tomar uma cerveja bem gelada ou uma caipirinha,comer uns peticos e sanduíches (o de carne-seca é um dos melhores que eu já comi), cantar e dançar até as três da manhã. Aos sábados tem feijoada, começando as 13:00 e indo até o fim do dia. O Ó do Borogodó está sempre lotado,  pra pegar uma mesa você tem que chegar cedo e pra fumar só do lado de fora. O clima é animado e a faixa etária varia desde universitários até velhinhos amantes de samba (sério já vi velhinhos cantando e dançando horrores lá).

  • 5.0 classificação
    20/5/2011
    Primeiro a Comentar

    Comecei a frequentar o Ó do Borogodó nos tempos de faculdade, quando nem sabia ainda o quanto samba de raiz é bom e o quanto privilegiada eu era por ver desabrochar o talento da cantora Fabiana Cozza,minhaamigaecolegadecurso. O espaço é pequeno, frequentado por jovens, predominatemente. Mas o calor humano e fantástico. Lugar melhor para curtir partido alto, samba de raiz, choro, forró e MPB nao há.
    E a cerveja está sempre no ponto. Os preços já não são os mesmos, mas a feijoada de sábado é sagrada e os espíritos de Cartola e Ataulfo Alves estão sempre lá, na voz de gente tarimbada e sensível como Dona Inah ou de novos talentos. Chegue cedo e não tenha pressa de ir embora. Uma vez lá, sua noite esta garantida.

  • 3.0 classificação
    14/7/2013

    O Ó do Borogodó é um clássico na Vila Madalena. Pra quem gosta de samba, é um reduto de ótimos encontros musicais de bons artistas, profissionais ou amadores. Nos dias de grande movimento o bar fica lotado, e o espaço pequeno, dificulta a circulação dentro da casa. As comandas são individuais e a cerveja de garrafa sempre está gelada. É comum ver novos casais ou paqueras se formarem no calor da dança que rola solta ao lado do palco. O lugar não tem área de fumantes, portanto é preciso ir para a rua para fumar, de acordo com organização do segurança da casa. O preço não assusta e a casa aceita cartões.

    • Usuário do Qype meier5…
    • Zurique, Suíça
    • 10 amigos
    • 48 comentários
    4.0 classificação
    4/5/2010

    Super lugar para ouvir samba e dançar agarradinho, tomar cervejas..

    • Usuário do Qype Demoli…
    • Roma, Itália
    • 12 amigos
    • 236 comentários
    5.0 classificação
    9/3/2012

    O lugar é muito bom, comida bom e o espaços musicais despensa comentários

    • Usuário do Qype Thiago…
    • São Paulo - SP
    • 17 amigos
    • 105 comentários
    5.0 classificação
    12/12/2008

    O mais famoso lugar de samba de São Paulo. É com certa justiça que o bar sustenta tacitamente esse reconhecimento. Lá você encontra música ao vivo de qualidade durante todos os dias da semana. Na segunda: Bia Góes e choro com Grupo Ó do Borogodó. Na terça: D. Inah e choro com Grupo Choro Rasgado. Quarta: Kiko Dinucci (violão e voz) e o Bando Afromacarrônico. Quinta: Thomas (violão de 7), Juliana Amaral (voz), João Poleto (sax e flauta), Henrique Araújo (bandolim e cavaquinho) e Douglas Alonso (bateria). Sexta: Shows variados. Sábado (tarde): Inimigos do Batente (com feijoada) Sábado (noite): Grupo de choro Cochichando. É impressionante ver o lugar cheio em plena terça, quando D. Inah se apresenta. No sábado, o bar fica vazio durante pouco tempo entre o fim da tarde e o início da noite. Há alguns incovenientes. O primeiro deles é que custa 20 reais só para entrar, no sábado (noite). Outro ponto ruim é a lotação, o espaço é um pouco pequeno para tanta procura. Para conseguir mesas, é necessário chegar mais cedo. No carnaval, o bar organiza um bloco na rua, o que atrai centenas de pessoas.

    • Usuário do Qype Pnovie…
    • São Paulo - SP
    • 4 amigos
    • 41 comentários
    4.0 classificação
    25/2/2009

    O Ó do Borogodó já deixou sua marca na história do samba em Sampa. Quando abriu, há cerca de dez anos, era difícil achar um lugar que tocasse samba de raiz, de qualidade, sempre com grandes músicos ao vivo. As casas de samba eram dominadas pelo pagode mela-cueca. Esse botequinho simples, sem placa na porta, de ambiente rústico, chegou e mudou tudo. Eu freqüento o Ó desde 2002, quando entrei na faculdade. Ele era o bar de estimação do pessoal da ECA, que batia cartão lá direto. E foram várias as baladas homéricas. O único porém é o espaço muito apertado, o que deixa claustrofóbicos e pessoas grandes como eu um tanto desconfortáveis. De resto, a ótima programação musical, a cerveja de garrafa sempre trincando, as cachacinhas mineiras e o público animado, sempre com muita mulher bonita, garantem o estrondoso sucesso. Claro que o sucesso faz com que o Ó não seja mais o lugar barato que era antes. Não é difícil deixar 40 mangos lá numa noitada. E recomendo muito chegar cedo para evitar as filas pra entrar. Aos sábado vale a pena ir a tarde comer a feijoada ao som de algum bamba. As terças e quartas são outros bons dias, quando não fica tão cheio e o som é sempre de primeira.

    • Usuário do Qype Renata…
    • São Paulo - SP
    • 1 amigo
    • 13 comentários
    5.0 classificação
    2/7/2012

    Um lugarzinho pequeno mas cheio de graça, a comida tipicamente brasileira e maravilhosa. Embora seja pequeno vc nao se sente sofucado pelas lindas portas-balcao que tem bem pertinho da banda. Ate o banheiro tem o seu proprio estilo com os tijolos aparentes e os engradados de cerveja a mostra. Muito fofo.

    • Usuário do Qype TakeUc…
    • Sorocaba - SP
    • 2 amigos
    • 146 comentários
    4.0 classificação
    17/2/2011

    Ótimo lugar para quem gosta de dançar, e curtir um boa música.

Página 1 até 1